quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Quando São Bernardo municipalizou o seu transporte coletivo.


A data certa é 5 de Setembro de 1991. Foi nessa data que o prefeito de São Bernardo na época, Mauricio Soares, municipalizou o transporte público da cidade criando a ETCSBC (Empresa de Transporte Coletivo de São Bernardo do Campo).

Vamos replicar a manchete e a notícia sobre a municipalização feita pela Gazeta de S. Bernardo do dia 13 de Setembro de 1991 disponibilizada pelo Memória e Acervo Online da Prefeitura de S. Bernardo.

====================================================================

Capa

Municipalização dos Tranportes

A cidade de São Bernardo começou uma nova fase nos transportes. É que desde o último dia cinco teve inicio a municipalização dos transportes, que até final do ano deverá estar totalmente implantada. Por enquanto a administração municipal mudou o percurso de algumas linhas.

Linhas alteradas

Linha 3 Taboão - Paço Municipal - Vila Paulicéia
Altera intinerário no Taboão trafegando pela  Rua Eugênia Sá Vitale, Helvética passando a circular em sentido anti horário no paço, Vila Vivalde e Rudge Rammos

Linha 4 Taboão - Paço Municipal - Via Vergueiro
Mantém o atendimento ao Taboão e vira circular atendendo a Vila Vivaldi, o Paço Municipal e retornando ao Taboão via Paulicéia

Linha 8 Jardim Silvina - Santo Ignácio - Vila Planalto
Estendida até o Parque Selecta

Linha 19 Jardim Farina - Parque Los angeles
Estendida até a Vila Industrial

Linha 20 - Parque Imigrantes - Paço Municipal - Via Mato Grosso
Alterada para Parque Imigrantes - Paço Municipal  - Royal Park

Linha 21 - Vila Baeta Neves - Vila São José
Altera intinerário na Getulio Vargas e Giacinto Tognato

Linha 24 Vila Industrial - Parque Selecta - Via Jardim Silvina
Altera intinerário Passando no Alto do Silvina

Linha 26 Baeta Neves - Represa do Baraldi
Altera para Paço (Rodoviária) Represa do Baraldi

Linha 27 Paço Municipal - Tintas Ypiranga - Via Royal Park
Altera para Parque Selecta - Jordanópolis - Via Ferrazópolis

Linha 38 Terra Nova II - Vila Império
Altera para Terra Nova II - Via Rudge Ramos

=======================================================

Alguns adendos.

 Linha 27 nem existe mais. Mas se não estiver enganado essa linha ainda mudou de novo para Tintas Ypiranga/Paço Municipal. Em 1997 foi extinta de vez e o intinerário para a Tintas Ypiranga começou a ser feito pela linha 39B Tintas Ypiranga/Boa Vista.

Linha 38 foi criada pela própria ETCSBC mas era uma linha circular. Saía do Terra Nova II e ia até Rudge Ramos na altura da Igreja São João Batista, fazia o retorno ali em frente onde é hoje o posto policial e fazia o caminho de volta.

Linhas 3 (Hoje Taboão/São Pedro) e 4 (Baeta Neves/Rudge Ramos) eram linhas operadas pela Triângulo, mas pouco tempo durarão e foram extintas sendo retomadas e alteradas com a criação da SBCTrans.

Linhas 19, 20, 21, 24 e 26 eram operadas pela Vição Cacique. Linha 8 pela Expresso S.B.C.

Só foi totalmente municipalizado o transporte coletivo em São Bernardo no final daquele ano pois a Expresso S.B.C. continuou a operar as linhas.

=================================================================

Matéria na página 3

Começou a municipalização dos transportes

Desde o último dia cinco, as 40 linhas que fazem a ligação entre o centro de S. Bernardo e os bairros estão sendo operadas pela Empresa de Transporte Coletivo de São Bernardo do Campo, a ETC. É que teve inicio a municipalização no transporte coletivo e para marcar a data, a administração municipal realizou um desfile com os 120 ônibus zero quilômetro da empresa pelas ruas do centro da cidade, que contou com a presença de Luís Inácio Lula da Silva, presidente nacional do Partido dos Trabalhadores. No entanto, a municipalização completa dos transportes só deverá estar totalmente concluida em dezembro deste ano.

O prefeito Maurício Soares espera que a ETC consiga manter a municipalização com recursos próprios e amparada em lei, evitar que a empresa se transforme num cabide de empregos.

No total serão gastos dois bilhões de cruzeiros e a frota deverá ser aumentada para 259 ônibus. O vice prefeito Djalma Bom, até a implantação completa da municipalização irá prosseguir uma comissão com o objetivo de fiscalizar o processo e difundir junto a população o novo sistema.

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Atualizações 06/01/2015


Colocadas mais quatro fotos no post sobre a E.A.V. São Bernardo LTDA.




E um em especial. Uma foto, mesmo que em preto e branco, do micro ônibus que fazia o famoso "rápido", linha São Paulo/São Bernardo com tarifa diferenciada. Espero em breve encontrar uma foto colorida.

2015 e nosso primeiro post.


Imagem tirada do documentário "BERNÔ - A Terra dos Ilustres Batateiros" de Cassiano Zoboli. A imagem é de 1983 feita no Paço Municipal durante uma greve dos metalurgicos.


2015 e já vou logo avisando. Nada de promessas de novidades, mais publicações e coisas do tipo. Sempre que faço isso e nem sempre cumpro.

Então este 2015 será de algumas avaliações e o que será feito daqui para frente. Uma das possibilidades seria de ampliar o leque, transformando o "Ônibus Antigo S.B.C." em "Ônibus Antigo A.B.C." e ter mais assunto a explorar. Ou ter os dois e assim os blogs se complementariam. Mas ai seria uma possibilidade. Outra seria eu focar mais em histórias da cidade de São Bernardo contada atravéz de fotos e vídeos. Outra possibilidade.

Emfim espero que este ano seja bom a todos que leêm ou não este blog.

Ah! E quero agradecer ao Edson Danillo Dotto que em sua página no Wix mostra o trabalho feito por alunos sobre algo que eu queria fazer a muito tempo. Pegar fotos antigas e tirar do mesmo ponto, fotos dos locais hoje em dia. Uma das fotos antigas usadas por eles foi publicada por este blog que mostra a Brigadeiro Faria Lima na década de 70.

Valeu!

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

E.A.V. São Bernardo LTDA

Último post de 2014.

Mercedes-benz O-362 da E.A.V. São Bernardo que circulava no final dos anos 70 e inicio dos anos 80. Nessa época ela fazia algumas linhas para São Paulo junto com a Santo Ignácio. Desenho pintado por mim a partir de uma matriz sem pintura.

A empresa foi fundada em 3 de outubro de 1930 tendo como sócios na época Luiz Antônio Angelo, José Borali, Heitor Tozzi e João Romano.

Jardineiras que faziam a linha São Bernardo/São Paulo da E.A.V. São Bernardo LTDA na década de 1930. Foto do Álbum de São Bernardo, publicado originalmente em 1937 e disponível para consulta no site Memória e Acervo Online da Prefeitura de São Bernardo.


Anuncio na revista ABC Ilustrado de Agosto de 1960 em comemoração aos 407 anos de São Bernardo e pertecente ao site Memória e Acervo Online da Prefeitura de São Bernardo.


Uma curiosidade encontrada aqui. Um ofício da Câmara Municipal de São Paulo feito pelo vereador Antenor Erveu Bettarelo em 20/02/1952 ao prefeito da época em São Paulo, Dr. Armando de Arruda Pereira sobre irregularidades da E.A.V São Bernardo que fazia a linha São Bernardo/ São Paulo até Alto do Ipiranga. Abaixo uma transcrição "ipsis litteris":

"        Indico, ao Senhor Prefeito Municipal de São Paulo, se digne tomar as providências necessárias a-fim-de que a E.A.V. SÃO BERNARDO LTDA, que explora a Linha Alto do Ipiranga, com séde à Rua Marechal Deodoro, 418, em São Bernardo, reponha o número anterior de ônibus que seriva êsse populoso bairro proletário de nossa Capital. e deixe de , a título de serviço extra, cobrar para certos ônibus seus, da Linha Alto do Ipiranga, Cr.$1,50 para cada viagem.

                          Jusificação

          Essa Emprêsa de ônibus está usando de um estratagema para explorar incautamente o povo de nossa terra numa tentativa de burlar a lei.
        A pretexto de instalar em sua linha de ônibus-Alto do Ipiranga, uma inovação, qual a de ônibus expressos, a E.A.V. SÃO BERNARDO LTDA retirou, dessa Linha de ônibus 22, alguns carros que fazem o mesmo intinerário, tem as mesmas paradas, gastam no percurso o mesmo tempo, cobram, ao invés de Cr.$1,00 (um cruzeiro), Cr.$1,50.
      O povo do bairro do Ipiranga está revoltado. Revoltado estamos também nós, por êsse verdadeiro lôgro, que é, em última analíse, um roubo, roubo à bolsa do pobre munícipe.

                                                                                  São Paulo,20 de Fevereiro de 1952"


Ônibus da empresa E.A.V. São Bernardo, o mesmo ônibus que aparece em preto e branco na foto abaixo e com suas cores verde (ou azul turqueza?) e laranja. Foto da revista Panorama - Agosto de 1957 e pertencente ao site Memória e Acervo Online.


A reclamação acima é de, além de retirar alguns ônibus da linha ela cobrava uma passagem superior ao praticado na época por ônibus de sua propria empresa que faziam o mesmo trajeto.

Ela também fazia linhas para São Paulo que saiam de Diadema até 1964, quando essas passaram para a Viação Diadema.

Durante década de 60 e parte da década de 70 ela fazia as linhas até o bairro do Glicério em conjunto com a Expresso São Bernardo. As linhas eram:

Linhas Interminucipais
São Bernardo - São Paulo (Via Anchieta)
São Bernardo - São Paulo (Via Rudge Ramos)
São Bernardo - São Paulo (Via Estrada do Vergueiro)
São Bernardo - São Paulo (Via Marginal)
São Bernardo - São Caetano (Via Rudge Ramos)
São Bernardo - Pça da Liberdade (Via Diadema)
Micro ônibus Rápido São Paulo

Linhas Municipais para Parque Municipal, Riacho Grande e Alto da Serra.

As duas empresas usavam ônibus do modelo CAIO Jaraguá mas com pinturas diferentes. A Expresso usava pinturas amarelas com uma faixa central prata enquanto a E.A.V. São Bernardo usava faixa amarela embaixo, azul emcima e uma faixa central prata. Como o da foto abaixo.


O modelo da foto é um Carbrasa, encarroçados no chassis Volvo, durante a gravação do seiado televisivo Vigilante Rodoviário em 1961 na Via Anchieta . Destaque ao logotipo traseiro onde está o número do ônibus.

Já no final dos anos 60 mudaram para o CAIO Jaraguá e a pintura mudou pouca coisa.


Acima temos uma foto com um ônibus da empresa que passava pela Marechal Deodoro em 1967. É o último quase em frente ao Cine São Bernardo. Foto Mémoria e Acervo Online


Anúncio da aquisição dos Caio-Magirus - em 18-08-1968. Foto publicada no perfil de Luiz J. Lahuerta no Facebook.


Na metade da década de 70 sai a Expresso São Bernardo e entra a Santo Ignácio da mesma família que comanda a E.A.V. São Bernardo e Expresso Brasileiro, a família Romano. E os ônibus começam a mudar também. Entram os Caio Gabriela I e o Mercedes-benz O-362. Já no final da década de 70 entram os Caio Gabriela II.

Dificilmente acharei a foto colorida, mas isso ficou marcado muito na minha infância vendo estes micros ônibus cortanto a Via Anchieta. Esse é o famoso "rápido" micro ônibs pintados com cores diferentes (Azul Royal, e Branco) que ia de São Bernardo a São Paulo e cobrava tarifa diferenciada. Foto de jornal publicada no perfil de Luiz J. Lahuerta no Facebook.



CAIO Gabriela I última pintura antes de encerrar atividades em 1990 - Foto Guarabus


Tinham 3 linhas que faziam o trajeto até São Paulo no Parque Dom Pedro II. Eram a  152 que ia pela Anchieta, 153 que ia por dentro de Rudge Ramos via Senador Vergueiro e a 154 que passava pela Caminho do Mar. As outras que passavam pela Via Anchieta ou por Diadema eram da Santo Ignácio.

Foto de um Caio Gabriela II parado no Ponto Final no Parque Dom Pedro II. Ao fundo um Ciferal da Viação Santapaula de São Caetano do Sul e um Amélia da Viação Penha-São Miguel de São Paulo. Foto de Mário Custódio.


Em 1988 sai a Santo Ignácio e as linhas passam para a E.A.V. São Bernardo mas não por muito tempo. Aos poucos os ônibus azul e branco da Viação Riacho Grande começa a fazer algumas linhas da Santo Ignácio. E no inicio da década de 90 sai definitivamente a E.A.V. São Bernardo de cena entrando a Riacho Grande que está com operando estas linhas até hoje.



Print feito por esse que escreve neste blog a partir de um vídeo publicado no YouTube de uma viagem de São Paulo à Santos pela Via Anchieta em 1988. Este trecho é no Km 15 quase em frente ao Makro.

 Um ótimo 2015 a todos!

domingo, 28 de dezembro de 2014

Atualizações 28/12/2014


Duas atualizações. Inclusão de uma foto no post Histórias das linhas - 9B Circular Santo Inácio/São Pedro
Inclusão de uma foto Expresso Rudge Ramos Feliz 2015 a todos!

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Imagens da cidade em preto e branco

A Prefeitura de São Bernardo lançou a pouco tempo atrás um site com fotos antigas da cidade, o Memória e Acervo Online.

E algo que nos interessa muito são fotos antigas da Rua Marechal Deodoro em 1967, tempo que ainda não havia sido contruído a Avenida Brigadeiro Faria Lima e os ônibus passavam pela "marechal". Entre elas muitas curiosidades.


Clique na imagem para ampliar

Essa é a primeira foto tirada na Marechal esquina com a rua Dr. Flaquer, tem como destaque um Caio Jaraguá da Expresso S.B.C. (famoso amarelinho). Essa empresa fazia até metade da década de 1970 as linhas que iam para São Paulo (bairro do Glicério). No letreiro lê-se "SP via RUDGE RAMOS".

Há um outro ônibus escondido atrás do caminhão Chevrolet Brasil 61, da mesma empresa. Mais atrás, em frente aonde é hoje a Câmara de Cultura Antonino Assumpção, um ônibus da Auto Viação ABC, que ainda faz as linhas que ligam São Bernardo a Santo André. Parece ter sido ali o ponto de ônibus na Marechal.

 Há um outro ônibus atrás que não consegui identificar a empresa.

Foto de Camila Taurizano pertencente ao acervo da Seção de Pesquisa e Documentação.


Clique na foto para ampliar

Aqui nesta foto tirada do mesmo local, vemos dois ônibus da mesma empresa com pinturas diferentes. São ônibus da Auto Viação ABC. No blog publicamos duas fotos coloridas de ônibus desta empresa. Elas estão aqui. Atrás deles tem um ônibus que não consegui identificar a empresa.

Mas a raridade está lá atrás no ponto de ônibus. Um FNM Alfa Romeo D-11.000, conhecido CAIO Papa-Fila. Era nada menos que um caminhão (FNM) com a carroceria como se fosse de um ônibus (CAIO). Tinha esse nome pois quando ele surgiu ainda rodava as antigas jardineiras que não levavam muitas pessoas e assim mantinham muita gente nos pontos. Ele transportava mais gente e quando parava nos pontos ele simplesmente esvaziava o mesmo. Agora a empresa eu não sei qual é, pois a única que tenho registro de utilizar este tipo de veículo era a Expresso S.B.C.  mas a pintura é muito diferente da Expresso, acho que essa empresa fazia linhas municipais, já que na época esses veículos já não eram muito utilizados.


Clique na foto para ampliar

Aqui eu não consegui reconhecer muito, só o da Viação Diadema entre os dois ônibus. Aqui aparecem o Cine São Bernardo que até bingo virou, mas esta edificação foi abaixo e deu lugar ao Marechal Plaza.*

Todas as fotos pertence ao Memória e Acervo Online.

Em breve voltaremos com mais.

*Errata: Não ele não foi demolido, apenas não é mais cinema, e sim uma loja de sapatos. Mas a fachadas foi tombada tanto que há uma placa sobre o tombamento e a história do local. O Marechal Plaza fica mais a frente.

sábado, 1 de novembro de 2014

Foto - Paço Municipal em 1987

Como é difícil conseguir fotos antigas de S.B.C., tudo que é encontrado já faço questão de postar aqui. E tem uma que postei aqui que eu fiz questão de repostar para mostrar alguns detalhes sobre o Paço Municipal de São Bernardo do Campo em 1987, na época de construção do terminal Metropolitano e do corredor de trólebus. E há muitas coisas nessa foto que hoje em dia nem exitem ou não existia.
Na foto, há números sobre cada local que destacarei em texto logo abaixo dela:


Clique na foto para ampliar.

1- Conjunto Anchieta
2- AGESBEC - Armazéns Gerais e Entrepostos São Bernardo do Campo (antiga ELNI)
3- Prédio residencial.
4- Terreno vazio, hoje fica a agência do Itaú.
5- Edifício Senador - no térreo funcionava a agência do Banco Real
6- Hotel e restaurante Binder. Na época ainda funcionava, hoje fechado e abandonado.
7- Obra no Paço Municipal em frente a entrada.
8- Antes dessa foto, na década de 60, era onde ficava a escola Wallace Simonsen, que já tinha se mudado para onde ela está até hoje, atrás do Pavilhão Vera Cruz. Hoje funciona a secretária municipal de segurança urbana e ao lado a sede da Guarda Civil Metropolitana.
9- Mercado Municipal Central, depois chamado de Hélio Masini. Hélio Masini foi um comerciante do Mercado Central que foi morto no local de trabalho durante um assalto no dia 16 de fevereiro de 1987, época da foto. Antes do mercado, funcionou o supermercado Morita. Hoje o mecado municipal não funciona mais. Está sendo erguido no local o Museu do Trabalho e do Trabalhador. O nome Hélio Masini foi dado ao mercado municipal de Rudge Ramos em 2005.
10- Primeiro MacDonald's de São Bernardo, que hoje não está mais no local. Na época ele foi construído no estacionamento do antigo Center Shop São Bernardo, hoje Shopping Metrópole. No local hoje está em obras.
11- Antigo terminal rodoviário.

Até breve.

Postagens mais antigas

All Rights Reserved.

Traduzido Por: MaisTemplate - Designed: BloggerMotion

Top